blog
(00351) 210 929 030

Qual é o significado dos símbolos do Caminho de Santiago?

A peregrinação a Santiago de Compostela é uma das maiores peregrinações Católicas a nível mundial. Fazer "o caminho de Santiago" é, para além de um ato de devoção, uma experiência de transformação pessoal. Conheça o significado dos símbolos que identificam os peregrinos e os percursos deste Caminho místico.

Desde que, no século IX, foram encontrados os restos mortais de São Tiago naquela cidade espanhola, Santiago de Compostela floresceu como um dos centros mais importantes da devoção Católica. O facto de, durante a Idade Média, a Igreja absolver dos pecados aqueles que realizassem esta peregrinação fez com que ela ganhasse expressão, a tal ponto que ali foi erigida uma Catedral.

Há sete rotas principais que conduzem a Santiago. O percurso é percorrido a pé, de bicicleta ou a cavalo. Os peregrinos fazem esta caminhada sós ou em grupo, pelos mais variados motivos. A distância percorrida, e consequentemente o ponto de partida, são escolhidos por cada um. Os pontos de paragem do percurso, as dificuldades enfrentadas, o facto de haver longas distâncias em contacto com a Natureza e a imponência da Catedral de Santiago, à chegada, são apenas alguns dos motivos que fazem desta viagem um processo de profunda transformação interior e auto-conhecimento. 

As razões para percorrer o Caminho de Santiago dizem respeito a cada um, mas é frequente ele ser feito quando se procura uma luz, uma direção, quando não se sabe bem qual é o melhor caminho a seguir em dado ponto da nossa vida.

Todos os percursos do Caminho de Santiago são assinalados por símbolos que ajudam os peregrinos a perceber que continuam no trilho certo. E os próprios peregrinos, por sua vez, levam sempre consigo alguns desses símbolos, para que também eles próprios possam ser identificados pelas comunidades locais por onde passam.

O que significam esses símbolos?

1 - A concha de vieira

O símbolo mais conhecido relacionado com Santiago de Compostela é a concha de vieira, um bivalve bastante comum naquela zona da Galiza. Conta a lenda que o barco onde os dois Apóstolos levavam o corpo defunto de São Tiago naufragou, tendo no entanto chegado intacto a uma praia, coberto por conchas de vieira. Outra história conta que, há vários séculos, aqueles que faziam a peregrinação a Santiago a terminavam 80 km à frente, em Finisterra, e levavam de volta consigo uma concha, para mostrarem aos amigos e familiares que haviam lá estado. A concha tem, também, um simbolismo pictórico: cada veio representa um caminho diferente, confluindo todos no mesmo lugar, assim como acontece com os Caminhos de Santiago. Para além disso, a concha está ligada ao renascimento que todas as pessoas que percorrem o caminho experimentam. Na Idade média a concha de vieira era também usada como um amuleto contra pragas e maldições, e ainda hoje é levada por todos os peregrinos, como um talismã para atrair a sorte e para lembrar o propósito com que cada um embarcou nesta viagem.

2 - A Cruz de Santiago

Esta é a cruz das Cruzadas, que tem a ponta inferior em lança porque os cavaleiros espetavam a Cruz no chão para rezar as suas orações. Para além disso, ela simboliza a morte de São Tiago, decapitado por uma espada, e a sua bravura ao difundir a palavra de Cristo. Os três lírios nas terminações superiores da Cruz representam a pureza de caráter de São Tiago, o seu sentido de honra e devoção a Jesus. Esta Cruz é um dos símbolos mais conhecidos associados a este santo, representando a Ordem de Santiago.

3 - Setas amarelas

Da autoria do padre espanhol Elías Valiña, que usou este símbolo para que os peregrinos não se perdessem em Cebreiro, a sua localidade, as setas amarelas rapidamente se tornaram um recurso muito útil, usado em todo o percurso para confirmar aos peregrinos qual é o caminho a seguir.

4 - O cajado

É frequente que os peregrinos levem consigo um cajado alto, que ajuda a suportar o percurso e a superar as dificuldades do caminho, servindo como arma de defesa e como apoio para atravessar riachos, caminhos mais difíceis ou quaisquer outros obstáculos. O cajado simboliza "o terceiro pé" do peregrino, numa clara alusão à Santíssima Trindade: para além dos dois pés, é sempre a fé que conduz e ampara na caminhada.

5 - A cabaça

Este é um dos símbolos que remete para o início histórico desta peregrinação, pois a cabaça era usada, na Idade Média, para transportar água ou vinho nos longos percursos. 

6 - Chapéu de aba dobrada

Este é outros dos símbolos que remonta à Idade Média, sendo parte da indumentária dos peregrinos de então. 

7 - Abraço ao apóstolo

Faz parte da tradição abraçar a imagem de São Tiago na Catedral, numa estátua que se encontra sobre a cripta com a urna onde estão as relíquias do Santo. A posição em que se encontra a imagem faz com que, ao abraçá-la, o peregrino tenha uma visão sobre toda a Catedral, que se apresenta como uma recompensa após a longa caminhada.

8 - O incensário

Com 553 kg e 1,5m de altura, o incensário da Catedral de santiago de Compostela cria um imponente ritual quando é lançado de um lado ao outro do cruzeiro Central da Catedral. Ele representa a elevação aos Céus dos pedidos dos peregrinos, bem como a chegada à meta e o final do percurso. 

9 - A credencial

Cada peregrino leva consigo uma credencial onde vai acumulando os carimbos identificadores de cada lugar por onde passa, onde pernoita, onde se alberga. A credencial torna-se, assim, um mapa individual do percurso feito.

10 - As pedras no caminho

Há, também, uma tradição, segundo a qual cada peregrino coloca na mochila, no início do caminho, uma pedra por cada problema do qual se quer libertar. Ao chegar à Cruz de Fierro, atira as pedras por cima dos ombros, deixando para trás problemas, vícios, e aquilo que o incomoda. Há, ainda, a tradição de empilhar pedras na zona de Torre del rio, que simbolizam os problemas que são deixados para trás. Inicialmente, estas pilhas de pedras eram usadas para sinalizar o caminho.

 

Conheça também:

Conheça a história de São Tiago, uma das maiores devoções católicas

Novena a Santa Ana e a São Joaquim

Oração de Santa Ana

Oração a Santa Ana para ter paz no lar

Tem dúvidas? Utilize o chat do site - Maria Helena responde às suas questões!

Preencha o formulário e receba a resposta ao seu dilema

 

< VOLTAR
PARTILHAR NA REDE:  

ORÁCULOS

Os Anjos respondem

Os Anjos respondem

O meu Tarot

Vídeos


Novidades


Publicada a 21/09/2020

Horóscopo do Dia

Horóscopo do Dia

+ VER MAIS

Publicada a 18/09/2020

Horóscopo do Dia

Horóscopo do Dia

+ VER MAIS
Formulário fale comigo
CONSULTAS Marque aqui!

Escolha três cartas e
clique em cada uma delas.

Clique em cada carta para
conhecer o resultado.

Passado Presente Futuro

    Está a um passo de ter a sua resposta!

    Preencha o formulário

    Erro

      Autorizo que os meus dados sejam processados e utilizados para receber informações sobre os produtos, campanhas, promoções, novidades, ofertas e outros serviços.
    A confidencialidade e a integridade dos seus dados pessoais é uma das principais preocupações da Maria Helena Martins, pelo que nos regemos pelos mais elevados padrões de privacidade e de acordo com os seus direitos de proteção de dados, nomeadamente, os previstos no Regulamento Geral de Proteção de Dados.
    Precisamos do seu consentimento expresso para continuarmos a oferecer-lhe um serviço personalizado e de excelência.
    Caso pretenda, poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.

    O PENSAMENTO POSITIVO PARA SI...

    Esta é a sua frase de incentivo,
    para lhe trazer a força e a coragem
    de que precisa neste momento!

    COMO ANDA DE AMORES? LANCE OS DADOS DO AMOR E CONHEÇA A SUA SORTE! CONCENTRE-SE NA SUA PERGUNTA. QUANDO ESTIVER PREPARADO...

    A SUA SORTE ESTÁ LANÇADA...