Astrologia

Lua Cheia em Touro com eclipse lunar - a semente da transformação

 

Lua Cheia em Touro com eclipse lunar - a semente da transformação

Às 8.57 do dia 19 de novembro a Lua entra na fase de Lua Cheia. Está no signo Touro e, na mesma data, ocorre um eclipse parcial lunar, que é muito importante porque inaugura um novo ciclo de eclipses.

img-9132-1024x1010.jpg

Os povos antigos, estudiosos do Céu e dos fenómenos celestes, consideravam os eclipses como acontecimentos muito importantes, por se tratar de movimentos raros e porque envolvem o Sol, astro-rei da nossa galáxia, e a Lua, o satélite natural da Terra. Sempre que há eclipses, aumenta a probabilidade de acontecerem situações inesperadas pois, a nível energético, eles simbolizam a abertura de portais. Os eclipses "põem a descoberto" situações, abrindo caminho para que haja encontros ou reencontros de pessoas que terão um impacto significativo na nossa vida futura.

Logo pela manhã do dia 19 de novembro a Lua entra na fase de Lua Cheia, atingindo o pico máximo de energia deste ciclo, e ocorre no mesmo dia em que temos um eclipse lunar parcial, o que significa que a Lua será parcialmente encoberta pelo Sol, quando vista a partir da Terra. Mesmo os pontos do globo terrestre a partir dos quais os eclipses não são visíveis podem sofrer os seus efeitos. Este eclipse não será visível em Portugal, pois ocorre numa hora em que a Lua já não está visível no nosso céu.

A Lua Cheia em Touro é, regra geral, muito intensa, não só porque o nativo deste signo tem uma personalidade bem vincada como, também, porque se opõe sempre ao Sol em Escorpião, outro dos signos do Zodíaco que se destaca pela sua intensidade.

Quando a Lua está Cheia em Touro, estão em destaque:

- o amor, a paixão, os relacionamentos em geral;

- as posses e a vida financeira;

- os negócios;

- as questões relacionadas com a aquisição de algo;

- assuntos ligados a questões de ciúme e/ ou possessividade.

 

Neste caso, a Lua Cheia em Touro é ainda mais significativa a nível energético (ou seja, pode deixar-nos mais inquietos, nervosos, agitados e ansiosos, ou precipitar mais mudanças e acontecimentos) por vir acompanhada pela ocorrência de um eclipse lunar. Este, por sua vez, assume uma importância especial por ser o primeiro de uma série de eclipses que ocorre entre os signos Touro e Escorpião (e que só terminará em outubro de 2023), o que significa que os assuntos postos em destaque na sua vida no período em que ocorre este eclipse lunar ganharão desenvolvimentos em abril e outubro do próximo ano e de 2023. Algumas situações que agora começam abrem caminhos novos no seu percurso, inaugurando um capítulo na sua vida, que se irá desenrolar durante os próximos dois anos.

A última vez que houve um ciclo de eclipses no eixo Touro-Escorpião foi entre 2013 e 2014, o que significa que alguns assuntos que se destacaram na sua vida durante esse período podem, agora, ter novos desenvolvimentos.

Sempre que ocorre um eclipse, há o potencial energético para iniciar ou desenvolver um processo de transformação nas nossas vidas. Os signos em que o Sol e a Lua se encontram no momento do eclipse dão indicação das áreas particulares da vida que serão mais fortemente afetadas por esta mudança.

No caso de Touro e Escorpião, são dois signos especialmente focados na esfera afetiva: Touro é regido por Vénus, o planeta do amor, e Escorpião é regido por Plutão, o senhor das transformações profundas. Estes dois signos caraterizam-se pelo sentido de posse que facilmente desenvolvem em relação àquilo que consideram seu. São ciumentos, possessivos e bastante dominadores, embora não gostem de o assumir. As paixões, os afetos intensos, os laços duradouros serão postos em evidência e podem enfrentar alguma turbulência. 

Os eclipses podem precipitar acontecimentos que visam obrigar-nos a tomar decisões, a sair da nossa zona de conforto, a aventurarmo-nos em terrenos que receamos, pois eles tendem a alinhar-nos com o nosso propósito espiritual e colocam-nos perante situações que nos desafiam, fazendo-nos evoluir.

Este eclipse lunar vai, também, abrir caminho para uma nova visão de nós mesmos, fazendo-nos questionar e compreender melhor qual é o nosso valor, e aquilo que relamente importa na nossa vida.

Neste período a energia não é favorável à manifestação de desejos, a qual deve ser feita durante a Lua Nova (no dia 4 de dezembro haverá um eclipse solar a acompanhar a Lua Nova no visionário e dinâmico signo Sagitário, oferecendo boas oportunidades para definir metas para o futuro). Aproveite, agora, a energia posta à sua disposição para se voltar para dentro de si próprio e para fazer um importante trabalho de auto-análise, para compreender melhor as suas motivações, e as dos outros, e para permitir, estando num estado de maior recetividade, que seja a vida a guiá-lo. Enquanto o Sol se despede do introspetivo signo Escorpião somos ajudados a enfrentar, com maior coragem e tenacidade, as sombras interiores que (ainda) nos impedem de brilhar.

Preencha o formulário e receba a resposta ao seu dilema

Voltar

Também poderá gostar de ler

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização Está a usar um navegador desatualizado. Por favor, atualize o seu navegador para melhorar a sua experiência de navegação.