blog
(00351) 210 929 000

São Nicolau - o Santo que inspirou o Pai Natal

O Pai Natal é um dos símbolos mais significativos de toda a quadra natalícia. Embora a imagem do velhinho de barbas brancas e fato vermelho que alegra a imaginação de crianças e adultos seja hoje muito comercial, saiba que esta figura surgiu associada à de um bom homem que faleceu no dia 6 de Dezembro de 342: São Nicolau.

São Nicolau nasceu na Ásia Menor na segunda metade do século III e faleceu no dia 6 de Dezembro de 342. Foi Bispo de Mira em Licia, na actual Turquia, e é o Santo Padroeiro da Rússia, Grécia e Noruega. Diz-se que no local do santuário onde foi sepultado surgiu uma nascente de água. Foi mais tarde transladado para Bari na Itália e é também conhecido como S. Nicolau de Bari. Foi construída uma basílica em seu nome que se tornou um local de peregrinação de devotos. É o santo protetor dos marinheiros, prisioneiros (também ele esteve preso), das crianças e da família, entre muitos outros. A ele foram associados vários milagres especialmente relacionados com dinheiro e presentes.

São Nicolau era um homem bondoso e generoso que era conhecido por salvar marinheiros das tempestades, defender crianças e oferecer generosos presentes aos mais pobres. Diz-se que herdou uma grande fortuna dos seus pais que distribuiu pelos pobres e necessitados.

Há muitas lendas associadas a São Nicolau mas a mais conhecida conta que ajudou 3 filhas de um vizinho com dificuldades financeiras. São Nicolau deixou um saco de moedas de ouro às escondidas na janela da casa para cada uma das filhas poder casar. Ao deixar as moedas para a terceira filha o pai delas, que estava escondido, descobriu quem era o benfeitor, ficou-lhe para sempre grato e espalhou as suas boas acções.

A sua imagem serviu para inspirar o ícone do Natal – um velhinho de barba com um saco de presentes às costas. O nome inglês Santa Claus vem de Santus Nicolaus. Alguns diziam que ele se deslocava num trenó puxado por 8 renas, o transporte utilizado na Escandinávia, outros que aparecia montado num burro com um saco cheio de presentes às costas, e mais tarde, que descia pelas chaminés das casas durante a noite para deixar os seus presentes nas meias e sapatinhos das crianças. A sua imagem dura até aos dias de hoje como a figura do Pai Natal e lembra-nos que o Natal é tempo de partilha, amor, esperança e generosidade.

Veja também:

- O simbolismo do presépio

- A Árvore de Natal

 

 

 

Preencha o formulário e receba a resposta ao seu dilema

 

 

< BACK
SHARE THIS PAGE:  

ORACLES

The Angels respond

The Angels respond

My Tarot

What's New?


Speak with me form
READINGS Book here!

Choose three cards and
click on each.

Click on each card
to know the result.

Past Present Future

    You are one step away from having your answer!

    Fill the form

    Erro

      I hereby authorize that my data be processed and used to receive information about products, campaigns, promotions, news, offers and other services. The confidentiality and integrity of your personal data is a major concern of Maria Helena Martins, that we adhere to the highest privacy standards and in accordance with your data protection rights, namely those provided for in the General Data Protection Regulations.
    We need your express consent to continue to offer you a personalized service and excellence.
    If you wish, you can consult our Privacy Policy here.

    THE POSITIVE THINKING FOR YOU ...

    This is your encouraging phrase,
    to bring you the strength and the courage
    you need right now!

    HOW WALTER OF LOVES? THROW THE DICE OF LOVE AND KNOW YOUR LUCK! CONCENTRATE IN YOUR QUESTION. WHEN YOU ARE READY...

    YOUR LUCK IS LAUNCHED ...