blog
(00351) 210 929 030

Ervas afrodisíacas

Todas estas plantas têm um aroma intenso e penetrante. Devido às suas características picantes e estimulantes, umas mais que outras, quando ingeridas produziam uma sensação nova, mas agradável, de euforia que induzia o desejo amoroso. Por essa razão foram consideradas afrodisíacas e proibidas noutros tempos.

 

Hoje em dia a sua utilização é comum e essencial para a cozinha de todas as regiões do mundo e as suas propriedades afrodisíacas, muitas por sugestão, já não assustam mas até agradam. No campo ou num jardim perfumam o ar com os seus aromas profundos. Adicionadas aos cozinhados e saladas activam o sabor dos ingredientes e tornam os pratos mais interessantes e exóticos. Em chás, infusões, banhos e óleos as suas propriedades terapêuticas e estimulantes são libertadas proporcionando uma sensação de bem-estar físico.

 

Açafrão - Especiaria estimulante utilizada em pó de cor amarela ou vermelha. Na Ásia é empregada para tingir tecidos. Adiciona-se ao arroz e ao marisco para dar uma cor amarela e um sabor delicioso.

 

Alfazema – planta de aroma muito agradável, afrodisíaca cujas sementes são utilizadas para perfumes e sabonetes. As sementes adicionadas à sopa realçam o seu sabor, mas devem ser retiradas antes de servir.

 

Anis – Tem um sabor forte e interessante. Quem não gosta, não gosta mesmo. As sementes são utilizadas para xaropes, bolos e licores. O licor de anis era utilizado para estimular sexualmente.

 

Baunilha – o extracto de baunilha serve para bolos, gelados, café e chocolate. Tem um sabor e cheiro doce e quente e há quem goste de perfumar o corpo ou a roupa com a sua essência.

 

Canela – Ligeiramente picante e agradável, a canela é utilizada em pó ou em pau para doces, cafés, chás e no caril. Chá de canela é bom para as dores de menstruação.

 

 

Cravinho – Especiaria perfumada e picante que alivia a dor e é utilizada na Ásia e América do Sul para dar um toque mais exótico aos cozinhados.

 

Gengibre – Raiz de sabor forte e perfumado que induzia amantes. Pode ser consumida em pó nos bolos e cozinhados exóticos. Em chá ou mesmo fresco, como na cozinha japonesa, serve como digestivo.

 

Hortelã – planta silvestre de sabor fresco a menta óptimo para bebidas e chás e para temperar carnes e sopas. Nalguns países árabes e do Norte de África serve-se num chá açucarado. Na idade média servia para estimular cavalos.

 

Louro – uma ou duas folhas acrescenta um sabor mais interessante aos pratos de carne, em particular borrego. Para os Romanos o louro era considerado um símbolo de virilidade e os soldados usavam-no em coroas.

 

Manjericão – Com um aroma suave e delicioso as folhas podem se utilizadas em saladas, especialmente com tomate. Existem cultos muito antigos relacionados à paixão e fertilidade e ainda hoje em Portugal existe a tradição das raparigas solteiras porem um manjerico (que tem folhas mais pequenas) à janela no dia de Santo António.

 

Orégão – Perfumado e intenso é ingrediente essencial na cozinha mediterrânica pois intensifica o sabor de carnes e legumes. Tem características sensuais especialmente quando misturada com a água do banho.

 

Pimenta – estimulante natural, que aquece e provoca ligeira euforia. Acrescenta sabor e picante a quase todos os pratos e quando cheirado dá comichão no nariz e vontade de espirrar.

 

Salsa – fresca de sabor e cheiro, pode-se comer fresca ou adicionar a cozinhados de carnes ou alguns legumes juntamente com alho. Combina muito bem com cogumelos. Tem umas folhas suaves que são ideais para cócegas e carícias. Antigamente era associada a bruxarias.

 

Salva – as folhas são utilizadas para temperar carnes de sabor forte. Fresco ou seco tem um cheiro e sabor intenso e interessante. Na Grécia antiga acreditavam que um chá de salva aumentava a fertilidade. As suas folhas secas penduradas afastam insectos.

 

Tomilho – um óptimo tempero para carnes e para o azeite. Tem um cheirinho fresco e estimulante mas é ligeiramente amargo de sabor. Também se pode beber em chá e é bom para a tosse.

 

 

 

 

Veja também:

Mezinha caseira para o tratamento da diabetes

Mezinha caseira para ter alegria e motivação

Mezinha caseira para afastar as alergias da Primavera

O que acontece numa consulta de Naturopatia (Medicina Natural)?

O Centro Maria Helena dispõe de consultas de Medicina Natural. Ligue 210 929 000 para mais informações.

Preencha o formulário e receba a resposta ao seu dilema

 

 

 
 

< BACK
SHARE THIS PAGE:  

ORACLES

The Angels respond

The Angels respond

My Tarot

What's New?


Speak with me form
READINGS Book here!

Choose three cards and
click on each.

Click on each card
to know the result.

Past Present Future

    You are one step away from having your answer!

    Fill the form

    Erro

      I hereby authorize that my data be processed and used to receive information about products, campaigns, promotions, news, offers and other services. The confidentiality and integrity of your personal data is a major concern of Maria Helena Martins, that we adhere to the highest privacy standards and in accordance with your data protection rights, namely those provided for in the General Data Protection Regulations.
    We need your express consent to continue to offer you a personalized service and excellence.
    If you wish, you can consult our Privacy Policy here.

    THE POSITIVE THINKING FOR YOU ...

    This is your encouraging phrase,
    to bring you the strength and the courage
    you need right now!

    HOW WALTER OF LOVES? THROW THE DICE OF LOVE AND KNOW YOUR LUCK! CONCENTRATE IN YOUR QUESTION. WHEN YOU ARE READY...

    YOUR LUCK IS LAUNCHED ...