blog
(00351) 210 929 030

Que missão trouxe a esta vida?

Através da Astrologia Kármica, e do estudo dos Nodos Lunares, é possível saber que missão trouxemos a esta vida. Consulte a Tabela (clique aqui), para saber onde estava o Nodo Lunar Norte, ou Cabeça do Dragão, quando você nasceu, e depois saiba que missão trouxe a esta vida!

1 - Cabeça do Dragão em Carneiro, Cauda do Dragão em Balança

Quem tem a Cabeça do Dragão em Carneiro tem como Missão aprender a ser mais decisivo e frontal. Na vida passada foi do signo Balança ou teve comportamentos típicos desse signo. A indecisão e a incapacidade de enfrentar as dificuldades tiveram um efeito limitador no desenvolvimento da sua personalidade. Em vez de ser fiel às suas convicções, adaptou-se à vontade dos outros, o que lhe deu uma enorme sensação de insatisfação, sem poder agir. A força de Carneiro ajuda a exteriorizar a nossa identidade sem medo, nem hesitações. Balança torna as pessoas mais dependentes das opiniões dos outros mas Carneiro reforça a independência, a capacidade de expressar as ideias e de expressar desejos. Conseguir ultrapassar obstáculos sozinho, sem a ajuda dos outros, é um passo muito importante na construção da identidade e no desenvolvimento da auto-confiança.

Nesta vida, deverá aprender a colocar-se no lugar que é seu por direito: o primeiro!

Na vida anterior, só se interessava por coisas fúteis, dava grande importância ao dinheiro e à vida mundana. Não lutou por nada.

Neste momento sabe que só pode contar consigo, que tem que se orientar por si próprio e lutar. Luta pela independência, não suporta a falsidade.

Na próxima vida será alguém com muito poder. Ocupará cargos de destaque, viverá com muitos interesses. A sua missão é ajudar e apoiar os oprimidos.

 

2 – Cabeça do Dragão em Touro, Cauda do Dragão em Escorpião

Quem tem a Cabeça do Dragão em Touro deve desenvolver mais confiança em si próprio e nos outros. Numa vida passada, tinha tendência para reprimir o que sentia, destruindo dessa forma uma parte importante da sua identidade. Sofreu de algum modo com coisas que aconteceram, tendo chegado a este Mundo com a Missão de aprender a entregar-se sem medos nem receio. Deve desenvolver a capacidade de se entregar sem preconceitos, nem receio das circunstâncias da vida e das pessoas que gostam de si. Pode ter muitos amigos e uma vida social activa, mas não deixa que ninguém se aproxime verdadeiramente de si o que o poderá prejudicar. Aprenda a apreciar as maravilhas da vida e a reconhecer que as pessoas também são capazes de fazer o bem. Deixando-se envolver pelo bem e por energias positivas conseguirá vencer todo o medo, ansiedade e desconfiança que sente. A serenidade e o amor entrarão no seu coração. 

Na vida anterior era muito autoritária, brincava com os sentimentos alheios e não pensava no amor, reprimia os seus sentimentos.

Na vida atual procura estabilidade pessoal e equilíbrio no amor. Pretende casar, ter filhos, e dá valor à família. A felicidade é importante junto de outras pessoas em quem confia.

Na próxima vida viverá com prosperidade e bem acompanhada com muitos amigos e família. Terá muito dinheiro, sorte no amor, e estará rodeada de grande felicidade. Terá um bom casamento e uma grande família.

 

3 – Cabeça do Dragão em Gémeos, Cauda do Dragão em Sagitário

Quem tem a Cabeça do Dragão em Gémeos deve desenvolver em si a capacidade de dar e partilhar com os outros. Noutra vida, estas pessoas foram de signo Sagitário. Levaram vidas abundantes e ricas em experiências, satisfazendo todos os seus desejos. Sem grandes preocupações com limites e restrições, estas pessoas nunca se deixaram prender e mesmo num contexto de compromisso e união continuaram a comportar-se de formas individualistas. Mas os princípios de justiça, generosidade e do amor são características da sua personalidade. As pessoas com esta missão de vida devem aprender a virar-se mais para os outros entendendo esta atitude como forma de se expandirem a si próprios e não como uma limitação à expressão da sua identidade. Devem fazer uso do seu dom da palavra para contagiarem os outros de forma positiva. 

Na vida anterior era um sacerdote, pai de família, burguês ou um jovem nobre, que viveu centrado em si próprio.

Na vida atual pode ser juiz ou dedicar-se ao Direito. Procura avaliar os outros e julgá-los.

Na próxima vida será dinâmico, com o dom da palavra, viverá com dinheiro, será um político dinâmico. O amor não será importante.

 

4 – Cabeça do Dragão em Caranguejo, Cauda do Dragão em Capricórnio

Quem nasceu com Caranguejo como missão de vida, terá sido noutra vida uma pessoa com as características de Capricórnio. A sua dedicação ao trabalho e o seu individualismo levaram-no a tomar atitudes um pouco egoístas e por vezes oportunistas. A família, os amigos e companheiros amorosos foram passados para segundo plano e perdeu oportunidades maravilhosas de partilhar a vida com os outros. Nesta vida a sua missão fundamental é de desenvolver as suas emoções e aprender a partilhar o amor com o outro. Ponha de parte alguma dessa seriedade e disciplina e deixe-se levar pelos seus sonhos e desejos. Seja mais tolerante e condescendente e deixe-se levar pelos seus sentimentos mais inocentes e instintivos. Dedique-se à criação de um lar e à pureza do amor que encontrará no seio de uma família. 

Na vida anterior era muito responsável e benevolente, seria um chefe e organizador, ajudava quem podia e refugiou-se sempre no poder.

Na vida atual deve ser mais tolerante, receber amor das pessoas e da família. Deve dar muito para se tornar feliz.

Na próxima vida será mais amigo da família e dos amigos, um líder responsável.

 

5 – Cabeça do Dragão em Leão, Cauda do Dragão em Aquário

Quem tem a Cabeça do Dragão em Leão foi Aquário noutra vida. Viveu segundo os seus próprios princípios um pouco afastado das regras que ditam o comportamento em sociedade. As suas ideias, embora brilhantes e originais não se aplicavam com facilidade ao mundo real. Tinha uma certa tendência para a desordem e para se deixar dominar pelos outros mais fortes e imponentes. A Cabeça do Dragão em Leão ajuda uma pessoa a enfrentar a vida e os seus obstáculos, agora. É importante que as pessoas que viveram segundo as características de Aquário aprenderam a dar mais valor ao essencial e a concentrarem-se em ideias palpáveis e não em objectivos grandiosos mais inalcançáveis. A sua ambição é grande assim como o seu sentido de justiça. É nessas qualidades que deve basear a sua missão na vida, procurando sempre aplicar as suas energias positivas e inteligência superior para ajudar quem lhe está próximo. 

Na vida anterior era independente, livre, não era exigente e gostava muito dos amigos e da família.

Na vida atual necessita de participar mais na vida social, deve ter muitas pessoas à volta, aprender a partilhar e a amar.

Na próxima vida vai dedicar-se às artes, aprender a partilhar, terá um bom estatuto social e pode destacar-se nas artes, desportos e ciências.

 

6 – Cabeça do Dragão em Virgem, Cauda do Dragão em Peixes

Quem tem a Cabeça do Dragão em Virgem foi Peixes numa vida passada. A sua passividade e atitude submissa perante a vida podem tê-lo prejudicado. A sua tendência para sonhar e para se virar para dentro eram formas de fugir a uma realidade que o assustavam e com qual não sabia lidar. A sua sensibilidade e intuição poderiam ter servido como instrumentos para entender melhor o mundo e as pessoas mas a verdade é que nunca teve a coragem de os usar, nem a confiança de ouvir as suas vozes interiores. A sua falta de iniciativa e dificuldade em tomar decisões fez com que deixasse escapar boas oportunidades. A Cabeça do Dragão em Virgem dá-lhe um sentido mais prático e menos emotivo da vida e ajuda a manter os pés bem assentes na terra em vez de se deixar levar por ilusões que servem como fugas. Agarre todas as oportunidades que surgem com coragem e convicção e diga sempre o que sente no próprio momento em que o sente. Só assim se vai tornar mais independente e combativo. 

Na vida anterior não realizou os seus sonhos. Parecia um eremita, à margem de tudo e de todos. Procurava uma visão mística e não se preocupava com o materialismo.

Na vida atual está cá para atingir objetivos, está ao serviço das pessoas, que sabem que é generoso e por isso é amado. Deve ser disciplinado.

Na próxima vida deve aprender a dar importância à vida, demonstrar sentimentos, amar e ser amado. Pode casar várias vezes e procurar a felicidade.

 

7 – Cabeça do Dragão em Balança, Cauda do Dragão em Carneiro

Quem tem a Cabeça do Dragão em Balança foi Carneiro noutra vida. Cheio de energia confiança e vitalidade foi pouco ponderado nas suas acções e sofreu algumas desilusões. A sua maneira de ser era caracterizada por uma grande agitação e a necessidade de acção constante, sem grande preocupação com as consequências. Essa atitude não permitiu desenvolver nada para além do entusiasmo, nem construir a longo prazo. A Cabeça do Dragão em Balança traz-lhe mais sabedoria e calma. Uma pessoa aprende a ser menos egoísta, impulsivo e agressivo e a desenvolver mais prudência e serenidade. A sua natureza impulsiva torna-se mais fácil de dominar o que facilita as suas relações sociais e pessoais. Uma pessoa vira-se mais para os outros e tenderá a esquecer um pouco os seus interesses pessoais.

Na vida anterior preocupava-se pouco com os outros. Tinha uma profissão bélica, era impulsivo e violento. Viveu uma vida solitária.

Na vida atual, deve ser um diplomata, prudente e muito reflexivo. A paciência é a sua aprendizagem. Deve ajudar mais os outros.

Na próxima vida procurará uma vida fácil. Não gostará de estar só e casará várias vezes.

 

8 – Cabeça do Dragão em Escorpião, Cauda do Dragão em Touro

Quem tem a Cabeça do Dragão em Escorpião foi Touro noutra vida. Deu mais valor aos bens materiais do que ao seu desenvolvimento emocional e espiritual o que o impediu de evoluir interiormente e de expandir os seus horizontes. Conquistou todos os confortos que precisava no mundo exterior e acomodou-se quando se sentiu realizado materialmente. Entregou-se à preguiça e tornou-se teimoso. Estas pessoas são pouco flexíveis e resistem a mudanças por medo de perderem tudo que alcançaram. É importante desenvolver mais outros aspectos da sua personalidade. A Cabeça do Dragão em Escorpião ajuda-o a descobrir que há muito mais na vida para além dos bens materiais. Desenvolvendo mais a sua intuição poderá tornar-se mais sensível e receptivo aos sinais do mundo exterior e interior que até agora desconhecia. 

Na vida anterior dava uma grande importância aos valores materiais, viveu uma vida acomodada.

Na vida atual deve cultivar uma vida espiritual, aceitar as mudanças e fazer sacrifícios. Deve ser positivo e construtivo. Pode ser empresário e chefe de família.

Na próxima vida evitará as normas e as rotinas, pode ser gastador, sensual e criativo.

 

9 – Cabeça do Dragão em Sagitário, Cauda do Dragão em Gémeos

Quem tem a cabeça do Dragão em Sagitário foi Gémeos noutra vida. A sua inconstância nunca o deixou dedicar-se a nada em profundidade. Teve sempre a necessidade de mudança e o desejo insaciável de se dedicar a várias coisas ao mesmo tempo. Conseguiu sempre adaptar-se a todas as situações dando a impressão de ser uma pessoas de poucas convicções. Nesta vida terá a oportunidade de se envolver mais em tudo aquilo que fizer. É importante definir um objectivo de cada vez mantendo-se fiel à sua concretização desde o princípio até ao fim. Mostre ao mundo que é uma pessoa leal e com quem se pode contar em todas as circunstâncias. 

Na vida anterior era pouco responsável, e mesmo que fosse comprometido agia como se fosse solteiro. Não abdicava da sua liberdade nem assumia responsabilidades.

Na vida atual tem uma grande maturidade e assume as responsabilidades. Disciplinado e honesto, não se dispersa com facilidade. Possui um forte sentido de dever.

Na próxima vida será muito exigente tanto consigo como com os outros, pode ser um sacerdote, professor, ou chefe de uma grande família.

 

10 – Cabeça do Dragão em Capricórnio, Cauda do Dragão em Caranguejo

Quem tem a Cabeça do Dragão em Capricórnio foi Caranguejo noutra vida. Foi vítima da sua própria insegurança e desenvolveu formas de proteger os seus sentimentos. Nunca revelou a sua verdadeira personalidade e foram poucas as pessoas, só mesmo aquelas com que tinha mais intimidade e confiança, que conheceram toda a criatividade e profundidade que o caracterizavam. A Cabeça do Dragão em Capricórnio dá-lhe a capacidade assim como a determinação para alcançar os seus objectivos sem medo. Torna-o mais ambicioso e individualista. Com esta nova força conseguirá fazer as coisas sozinho, sem precisar de depender de ninguém e sem ansiar pela aceitação dos outros. Tornar-se-á mais responsável nos seus actos e será mais fácil para si ultrapassar e todos e qualquer tipo de obstáculo com que é confrontado. 

Na vida anterior vivia em sonhos e fantasias. Descontrolava-se com facilidade. Vivia para a família.

Na vida atual precisa de ser mais firme, um chefe ou um líder social. Será um adulto à força.

Na próxima vida será exigente, cheio de força e de coragem. Será uma pessoa acima da média. Pode ser um filósofo ou um mestre.

 

11 – Cabeça do Dragão em Aquário, Cauda do Dragão em Leão

Quem tem a Cabeça do Dragão em Aquário foi Leão em vidas passadas. Sofreu e fez com que os outros à sua volta também sofressem com a sua arrogância e necessidade de dominar tudo e todos. Preocupou-se mais com os seus próprios interesses e desejos do que com os dos outros. Agora tem a oportunidade de criar laços profundos com alguém especial. Poderá dedicar todas as energias e devoção a uma outra pessoa com quem partilhará tudo. É necessário aprender a ser menos egoísta e mais altruísta. Sacrificar alguma da sua independência em nome da união com outra pessoa. Abrindo mais o seu coração pode fazer amizades muito boas e conhecer o verdadeiro amor. 

Na vida anterior tinha uma postura arrogante e envolveu-se em muitas disputas para alcançar posições de destaque e poder.

Na vida atual deve reger-se por princípios de igualdade e fraternidade e aprender os valores da cooperação e democracia. Deve também valorizar mais a amizade.

Na próxima vida deverá mostrar o seu potencial de forma mais equilibrada, sem se impor pela força. Deverá entender melhor as necessidades dos outros e canalizar o seu poder pessoal para um bem coletivo, fazendo trabalho voluntário.

 

12 – Cabeça do Dragão em Peixes, Cauda do Dragão em Virgem

Quem tem a Cabeça do Dragão em Peixes foi Virgem noutra vida. Estas pessoas eram demasiado perfeccionistas e muito ligadas ao mundo das aparências. Dependiam tanto da lógica que muitas vezes desleixaram outros aspectos importantes do seu ser como a espiritualidade e não deram devido valor às emoções. Com a sua tendência obsessiva de planear e organizar tudo deixou de ouvir o seu coração. Deve tentar ser mais espontâneo e intuitivo. Não procure uma explicação racional para tudo na vida, especialmente para o amor. Está na hora de se tornar mais meigo e sensível. Não deve recear perder controlo das situações. Deixe o amor entrar na sua vida, encontre a verdadeira harmonia e descubra a beleza que vem da entrega quase espiritual à pessoa que ama. Não seja tão crítico dos outros. Aceite-os tal como eles são ou se quer ajudá-los faça-o com doçura e compreensão. 

Na vida anterior possuía um potencial racional incrível e por isso não conseguiu exprimir o seu lado mais místico. Tinha tendência para julgar os outros de forma precipitada.

Na vida atual deve procurar aprender que pode ser racional e espontâneo e também emotivo, tudo isso ao mesmo tempo. Deve ser mais compreensivo com as falhas dos outros.

Na próxima vida deverá ser menos rígido consigo e com os outros e apreciar mais as coisas boas da vida.

Veja também:

 

 

 

 

 

 

 

Preencha o formulário e receba a resposta ao seu dilema

 


< BACK
SHARE THIS PAGE:  

ORACLES

The Angels respond

The Angels respond

My Tarot

What's New?


Speak with me form
READINGS Book here!

Choose three cards and
click on each.

Click on each card
to know the result.

Past Present Future

    You are one step away from having your answer!

    Fill the form

    Erro

      I hereby authorize that my data be processed and used to receive information about products, campaigns, promotions, news, offers and other services. The confidentiality and integrity of your personal data is a major concern of Maria Helena Martins, that we adhere to the highest privacy standards and in accordance with your data protection rights, namely those provided for in the General Data Protection Regulations.
    We need your express consent to continue to offer you a personalized service and excellence.
    If you wish, you can consult our Privacy Policy here.

    THE POSITIVE THINKING FOR YOU ...

    This is your encouraging phrase,
    to bring you the strength and the courage
    you need right now!

    HOW WALTER OF LOVES? THROW THE DICE OF LOVE AND KNOW YOUR LUCK! CONCENTRATE IN YOUR QUESTION. WHEN YOU ARE READY...

    YOUR LUCK IS LAUNCHED ...